Aos 43 anos, Maria Zeferina reforça o Cruzeiro para buscar vaga olímpica no Rio-2016

03/02/2016 07:21
Da reportagem/VaiCorrendo.com
 
Incansável. Este é o adjetivo que mais representa a atleta Maria Zeferina Baldaia, mineira de Nova Módica radicada em Sertãozinho, no interior paulista. Aos 43 anos de idade - e em plena forma física -, uma das mais experientes fundistas em atividade no atletismo brasileiro passa a defender a camisa do Cruzeiro Esporte Clube na temporada 2016.
 
A ex-cortadora de cana, que encantou o mundo do atletismo ao se tornar campeã da Corrida Internacional de São Silvestre, em 2001, estreou pelo Cruzeiro na manhã do último domingo (31) conquistando um terceiro lugar na prova rústica de 16 km da 34ª Volta ao Cristo de Poços de Caldas (MG). Ela completou o difícil percurso de subida em 1h11min41s.
 
Nesta temporada, Zeferina passa a ser orientada por Alexandre Minardi, do Cruzeiro, mas seguirá treinando em Sertãozinho com o técnico Alan Wendel. A equipe mineira também conta com corredores renomados do atletismo brasileiro, como Gilberto Silvestre Lopes, Carlos de Oliveira Santos, Altobeli Silva, João da Bota, entre outros.
 
Vaga olímpica
O Cruzeiro dará todo o suporte para que a fundista possa buscar a vaga olímpica na maratona. Para disputar a Olimpíada do Rio de Janeiro, Maria Zeferina Baldaia precisará completar uma prova oficial de 42 km atingindo o índice de 2h42min. Zeferina correrá a Maratona de Sevilla, na Espanha, no dia 21 de fevereiro, e a Maratona de Hamburgo, na Alemanha, dia 17 de abril.
 
 
Foto: Marcos P. Tavares/VaiCorrendo.com
© Proibida a reprodução em outras mídias.