Conheça o corredor amador de Ribeirão que ficou entre os 100 melhores da São Silvestre

12/01/2015 10:12
Foto: Divulgação
Rafael Gonçalves/VaiCorrendo.com
 
Uma semana depois de ter completado a 90ª Corrida Internacional de São Silvestre, em São Paulo, o balconista de uma loja de material para construção Wilson da Silva Júnior deixou de ser um mero corredor amador. O novo apelido? "É engraçado. Hoje, nos treinos, me chamam de Top-100", conta o próprio atleta. O motivo é mais do que especial: o ribeirão-pretano conquistou um honroso lugar entre os 100 melhores corredores da prova paulistana, na manhã do último dia 31, fechando os 15 km com apenas 10min08s de diferença para o etíope campeão Dawit Admasu, que, ao contrário de Wilson, é atleta profissional há anos.
 
O fundista de Ribeirão começou a correr em meados de 2013. Menos de dois anos depois, conseguiu completar a São Silvestre com velocidade média de 16,32 km/h, fechando o percurso em 55min08s apesar da multidão que dificulta o trabalho do atleta amador na missão de diminuir tempo - o campeão profissional venceu a prova com 45min04s e Wilson ficou em 92º lugar.
 
"Já faz mais de uma semana e até agora a ficha não caiu. Competir a São Silvestre era um sonho e juro que não imaginava ficar entre os 100 melhores e com razoáveis 10 minutos atras do campeão etíope", comemorou Wilson, de 26 anos. O balconista precisou enfrentar o tempo limitado de treinos para conseguir surpreender na São Silvestre. "Tenho uma vida agitada: treino pela manhã, das 5h30 as 6h30 e trabalho das 7h as 18h. Quando não estou treinando à noite, agradeço a Deus na igreja que frequento, a Evangélica Avivamento Bíblico."



COMPARE O FEITO

SÃO SILVESTRE 2014 PAÍS PELOTÃO TEMPO VELOCIDADE
1º    Dawit Admasu Etiópia Atleta de elite 45min04s 19,97 km/h
92º  Wilson da Silva Júnior Brasil Atleta amador 55min08s 16,32 km/h



Antes da corrida, outra corrida
Um dos melhores atletas da São Silvestre, o "Top-100" montou uma estratégia para conseguir correr tranquilamente em São Paulo. E revelou que foi correndo do hotel até a avenida Paulista, horas antes da largada.
 
"Em 2013 eu fiquei de fora da prova devido às lesões. Vi o sonho passar e não pude fazer nada. Mas Deus tinha outros planos para mim. Viajei de ônibus para São Paulo no dia 30 e, chegando lá, fui logo retirar o kit e depois tentar descansar no hotel. Eu estava ansioso para correr. No dia da tão sonhada prova, acordei às 5h, tomei um café reforçado e corri 4 km até a largada, pois não tinha táxi. Cheguei lá por volta das 6h15 e aguardei no terceiro pelotão até a hora da largada. Isso cansou um pouco, mas não abalou em nada a minha vontade de fazer tempo e conseguir, talvez, uma vaguinha na elite do próximo ano. Eu não vi os quenianos. Estava um pouco longe, mas estava ali", relembrou.
 
Durante a prova, Wilson se sentiu tão bem que ficou surpreso com o próprio resultado. "O percurso é forte, muitas subidas e clima quente. Sabia que seria difícil, mas não impossível. No quilômetro 12 veio a temida subida da Brigadeiro. E depois da curva foi só correr para o abraço. Cheguei de óculos no rosto porque sabia que iria chorar. Corri bem, apesar de todas as dificuldades, e me surpreendi com o resultado."
 
Desde que voltou a Ribeirão Preto, Wilson Júnior maneve a rotina de treinos. Sua meta, para a São Silvestre de 2015, é reduzir o tempo em mais 5 minutos e, assim, ficar entre os 50 melhores - em 2014, o fundista com marca de 50min10s ficou em 35º lugar. "Sei que é difícil tornar um profissional tão rápido assim. Corro há quase dois anos na assessoria do meu amigo e treinador Garça Running e tenho os pés no chão, literalmente. Mas sigo à risca toda a minha planilha de treinos para tentar melhorar", finalizou o "Top-100", cheio de vontade de vencer.
 
 

WILSON JÚNIOR

Atleta amador
Nome completo: Wilson da Silva Júnior
Nascimento: 11/07/1988, em Ribeirão Preto (SP)
Idade: 26 anos
Corredor desde: 2013
Equipe: Garça Running
Principais conquistas:
 Terceiro lugar na Série Delta Ribeirão 2013 (5 km)
Quinto lugar na Interclubes Recreativa 2013 (6 km)
Campeão na Solidária Criança Feliz 2014 (10 km)
Quinto lugar na Meia Maratona Tribuna 2014 (21 km)
Top-100 da São Silvestre 2014 (15 km)