Pandemia! Região de Ribeirão Preto completa 1 ano sem provas de corrida neste 15 de março

15/03/2021 06:09
Rafael Gonçalves/VaiCorrendo.com
 
Lá se foram 365 dias. Foi neste 15 de março, em 2020, que a região de Ribeirão Preto sediou as provas oficiais de corrida pela última vez até que tudo fosse adiado ou cancelado em razão da pandemia do Coronavírus, o Covid-19. No ano passado, no dia 14 de março, Barretos teve a realização do 5º Parque Night Run. No dia seguinte, 15, a 9ª Corrida Esportiva Alta Mogiana, em Franca, e o Cross Duathlon 2020, em Sertãozinho.
 
Foi a partir deste fim de semana que os esportes coletivos tiveram os cancelamentos para evitar "aglomeração", termo que passou a fazer parte do vocabulário e do dia a dia das pessoas. As demais provas de março de 2020 começaram a ser adiadas e o mundo das corridas passou a ficar sem os tradicionais eventos.
 
Naquela época muitos organizadores ainda contavam com um cenário positivo e transferiram as corridas para o segundo semestre. Diante da situação cada vez mais grave no País, as provas foram canceladas definitivamente ou transferidas para outro momento, em 2021.
 
Assim, a grande maioria dos atletas praticantes de corrida participou de, no máximo, seis provas oficiais no ano passado e tiveram que se adaptar às corridas virtuais, sem largada, sem pórtico, sem multidão e sem o registro oficiais e toda a estrutura de uma prova.
 
Futuro das provas
Um ano depois, ainda não há perspectivas para o retorno das corridas de rua no Brasil. Em São Paulo, o Governo decretou a Fase Emergencial, a mais crítica de todas até o momento. A 96ª Corrida Internacional de São Silvestre continua agendada para 11 de julho, mas com possibilidade de, a qualquer momento, a organização confirmar apenas a edição de dezembro ou, até, realizar a prova somente em 2022.

 

Foto: Fabricio Zerves/VaiCorrendo.com

©Proibida a reprodução em outras mídias