Quenianos fazem dobradinha e faturam o principal prêmio da 12ª Corrida do Trabalhador

08/05/2019 12:11
Rafael Gonçalves/VaiCorrendo.com
 
Jacob Kemboi Kiprotich e Consolata Cherotich, quenianos que defendem a equipe Luasa Sports, foram até Sertãozinho como favoritos e fizeram prevalecer a fama africana de grandes conquistas. Na manhã do último domingo (28) na cidade da região de Ribeirão Preto, interior paulista, Jacob e Consolata foram os campeões dos 10 km na 12ª Corrida do Trabalhador Maria Zeferina Baldaia.
 
Ambos faturaram o prêmio máximo da prova, de R$ 1 mil para cada campeão dos 10 km, ao cruzarem a linha de chegada. Jacob venceu com o tempo de 30min51s, enquanto que Consolata cravou 35min34s. Tradicional em Sertãozinho, a Corrida do Trabalhador sempre distribui bons prêmios aos cinco primeiros, o que atrai os africanos. No masculino, entre as 12 edições, foi a quarta vitória queniana - não vencia desde 2012. No feminino, a sétima.
 
No entanto foi apenas a segunda vez que o Quênia registrou uma dodradinha, vencendo tanto entre os homens quanto entre as mulheres nos 10 km. Na primeira edição, em 2008, Kiprono Chemwolo Mutai e Eunice Jepkirui Kirwa venceram, levando o país ao topo da prova. Posteriormente sempre houve alternâncias entre brasileiros e estrangeiros - a colombiana Muriel Coneo Paredes chegou a vencer uma edição, em 2013.
 
Neste domingo, o pódio masculino dos 10 km (foto, Fabricio Zerves) também teve José Alves da Silva Júnior, Victor de Oliveira Andrade, Fabiano de Souza Campos e Edson Roberto de Brito. No feminino, Jaciane Barroso de Jesus, Milena Mara Andrade, Valéria Sanches Prieto e Thaynara Alves Pedroso. Além de R$ 1 mil pago a cada primeiro colocado, a prova distribuiu R$ 800 aos segundos, R$ 700 aos terceiros, R$ 600 aos quartos e R$ 500 aos quintos. Também houve premiação em dinheiro na categoria Atletas da Cidade.
 
 
O trecho da prova foi praticamente todo plano e o clima ameno colaborou. Mesmo assim, não houve quebra de recordes da prova. As melhores marca dos 10 km continuam sendo de Kiprono Mutai (27min48s) e Eunice Kirwa (32min52s), na primeira edição organizada pela Paulinho Sports e que recebe o selo premium VaiCorrendo.com de divulgação. Na época, disputada em outro ponto da cidade.
 
Nos 5 km!
Já na prova de uma única volta nas proximidades do Centro Olímpico Maria Zeferina Baldaia, também com prêmio em dinheiro (R$ 400, R$ 300, R$ 200, R$ 150 e R$ 100, respectivamente do primeiro ao quinto), os vencedores foram os brasileiros Marcelo Cabrini (15min03s) e Marlene Oliveira Silva (18min32s). Curiosamente, a mesma dupla campeã da prova no ano passado, na 11ª edição - Marlene também já havia vencido os 5 km em 2016 e ficado em segundo lugar em 2015.

 

12ª CORRIDA DO TRABALHADOR MARIA ZEFERINA BALDAIA | SERTÃOZINHO-SP

MASCULINO | 10 KM
POS ATLETAS EQUIPE TEMPO
1  Jacob Kemboi Kiprotich/QUE Luasa Sports 30min51s
2  José Alves da Silva Júnior Luasa Sports/Taubaté 31min04s
3  Victor de Oliveira Andrade Arpa 31min06s
4  Fabiano de Souza Campos Cantina do Adão/GSN 32min02s
5  Edson Roberto de Brito Sem equipe registrada 32min24s
 
FEMININO | 10 KM
POS ATLETAS EQUIPE TEMPO
1  Consolata Cherotich/QUE Luasa Sports 35min34s
2  Jaciane Barroso de Jesus Sem equipe registrada 36min25s
3  Milena Mara Andrade Hilario’s Team 36min58s
4  Valéria Sanches Prieto Sem equipe registrada 37min34s
5  Thaynara Alves Pedroso Prefeitura de Barretos 38min20s
 
MASCULINO | 5 KM
POS ATLETAS EQUIPE TEMPO
1  Marcelo Cabrini Marcelo Cabrini 15min03s
2  Miguel Luciano ASA/São Carlos 15min11s
3  Alexandre Ribeiro Pastorello Marcelo Cabrini 15min12s
4  Genival Griffo Drogabene 15min30s
5  Luis Fernando Medeiros Brodowski Runners 15min35s
 
FEMININO | 5 KM
POS ATLETAS EQUIPE TEMPO
1  Marlene Oliveira Silva Sem equipe registrada 18min32s
2  Josiane Cristina Ferreira Serta Serviços 18min54s
3  Flávia Diniz Sem equipe registrada 19min15s
4  Eulalia dos Santos Rangel Team 19min25s
5  Iara Karina Vicente Ascoruse/Sertãozinho 19min58s
 
*O VaiCorrendo.com não se responsabiliza por erros de nomes, colocações, tempos e equipes divulgados oficialmente pelas empresas de cronometragem.

Foto: Fabricio Zerves/VaiCorrendo.com
©Proibida a reprodução em outras mídias.